Hong Kong, maior mercado de marfim do mundo, finalmente proíbe sua venda.

Depois da China, finalmente os legisladores de Hong Kong votaram de maneira esmagadora para proibir o comércio do marfim, que nada mais é do que o dente do elefante, retirado para ser trabalhado em obras de arte.

(foto; www.bbbnews.com)

Em Hong Kong esta prática é feita a mais de 150 anos, e lá fica o maior mercado de marfim do mundo. O WildAid Hong Kong, um grupo de conservação, diz que a só colônia britânica tinha uma reserva de mais de 670 toneladas de marfim em 1989, data que o comércio global foi banido.

Apenas o marfim recolhido antes desse período é legal para vendas, mesmo ele sendo até hoje extraído ilegalmente.

A procura pelo marfim é muito grande e 90% do material no mercado vem de elefantes mortos ilegalmente. Devido à este ato cruel a população dos elefantes já foi gravemente ameaçada, e caso esta procura pelo marfim não diminuísse, poderiam chegar até à extinção.

(foto; www.bbbnews.com)

Em Hong Kong, a venda de marfim será aos poucos eliminada, até parar completamente em 2021. Antes da votação, ativistas fizeram manifestações com cartazes a favor da proibição. Estes estão esperançosos e dizem que esta medida salvou a vida e o futuro da espécie.

fonte - http://www.bbc.com/news/world-asia-china-42891204

Notícias em destaque
Notícias recentes
Arquivo
Siga-nos
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

© 2018 by Ideologia Coletiva. Todos os direitos reservados.