Ruanda é o primeiro dos países em desenvolvimento a fornecer tratamento ocular de qualidade universa

Infelizmente nos países em desenvolvimento ainda há grande precariedade na área da saúde, incluindo a falta de oculistas e, consequentemente, os tratamentos oculares. Isso pode resultar em muitas doenças nos olhos, incluindo a cegueira. Nestes países caso um pai de família fique cego aos 45 anos toda a fonte de renda de sua família pode ficar comprometida.

fonte - https://www.theguardian.com/global-development/

Ruanda foi o primeiro destes países a fornecer com sucesso tratamento ocular de qualidade universal para seus 12 milhões de cidadãos. O projeto, que foi iniciado em 2002, se chama Iniciativa Vision 2020 e é uma parceria entre o governo e a organização Vision for a Nation.

O projeto inovador treinou mais de 3.000 enfermeiros em mais de 500 clínicas de saúde e cada uma das 15.000 aldeias de Ruanda já foram visitadas por enfermeiros qualificados.

fonte - https://www.theguardian.com/global-development/

Fornecer esses tipos de cuidados oculares é muito importante para a saúde das pessoas em regiões rurais como essa. Economicamente também, pois os trabalhadores necessitam de uma boa visão para poder trabalhar, e caso isso não aconteça, toda a renda de sua família poderá ser prejudicada.

fonte - https://www.theguardian.com/global-development/

"Descobrimos que 34 por cento da população de Ruanda poderia se beneficiar de alguma forma de cuidados oculares. O tratamento varia de sintomas muito menores para até aqueles que exigem cirurgia" , disse Jennifer Yip, da London School of Hygiene e Tropical Medicine, para o jornal The Guardian.

fonte - https://www.theguardian.com/global-development/2018/jan/31/rwanda-becomes-first-poor-country-to-provide-eye-care-for-all

Notícias em destaque
Notícias recentes
Arquivo
Siga-nos
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

© 2018 by Ideologia Coletiva. Todos os direitos reservados.