© 2018 by Ideologia Coletiva. Todos os direitos reservados.                                 

Portugal proíbe o uso de animais selvagens em circos

November 4, 2018

 

Portugal proibiu o uso de animais selvagens em circos com uma nova lei aprovada pelo parlamento e aplaudida por grupos de direitos dos animais. 
 
Leões, tigres, elefantes, camelos e zebras estão entre os mais de 1.000 animais proibidos pela nova lei, cobrindo cerca de 40 espécies. 

                                                                                                             foto - https://phys.org/


"Os animais selvagens não têm lugar no circo. As pessoas devem poder se divertir sem que os animais sofram", disse Bianca Santos, vice-presidente do grupo local de direitos animais da AZP. 
 
Aprovada com o apoio de legisladores de esquerda e de direita na noite de terça-feira (30/10), a lei coloca Portugal em linha com uma dúzia de outros países, incluindo metade da Europa, que proibiu animais selvagens em atos circenses. 
 
"O Parlamento finalmente percebeu que gaiolas maiores, regras mais rígidas e mais controles não eram a solução para os problemas desses animais, que foram reduzidos a meros fantoches, privados de sua dignidade", disse o parlamentar André Silva, do partido PAN. 
 
Até 2024, os proprietários de circo terão que listar seus animais silvestres em um cadastro criado pelo governo para que possam eventualmente ser colocados em abrigos de vida selvagem em Portugal ou no exterior.  
 
Profissionais de circo que concordam em entregar seus animais antes do final do período de transição poderiam se beneficiar da ajuda na mudança de profissão.  
 
Uma associação que representa cerca de 20 circos portugueses, que se opuseram à nova lei, disse em comunicado que o desenvolvimento "contribuiria para o desaparecimento dos negócios".  

 

 

Fonte - https://phys.org/news/2018-10-portugal-wild-circus-animals.html

Please reload

Notícias em destaque

Família peruana cria laptop ecológico feito de madeira que é recarregado pelo sol e pode durar 10 anos

August 14, 2020

1/10
Please reload

Notícias recentes
Please reload

Arquivo
Please reload