Austrália proíbe testes de cosméticos em animais em todo o país

O senado australiano acaba de assinar um projeto de lei que proíbe testes de cosméticos em animais em todo o país. Os legisladores aprovaram a lei como parte da “Industrial Chemicals Bills 2017”, um grupo de seis projetos de lei que regulam os produtos industriais do país. A Humane Society International (HSI) fez campanha para o governo aprovar o projeto, de acordo com um comunicado de imprensa no site da organização. Como o comunicado explicou, o projeto de lei inclui 11 medidas para garantir que todas as formas de testes com animais cosméticos sejam encapsuladas pela proibição.

foto - who.com.au/

Além disso, o projeto de lei prevê financiamento que "apoiará o desenvolvimento e a adoção de métodos modernos de teste que não envolvam animais". O projeto "proibirá novos dados de testes em animais para todos os usos cosméticos de ingredientes químicos introduzidos na Austrália, garantindo que os consumidores não sejam expostos a comprar novos cosméticos testados em animais, mesmo após a proibição entrar em vigor". Há tantas razões para parar de testar ingredientes cosméticos em animais. Por exemplo, a prática muitas vezes produz dados não confiáveis, uma vez que os seres humanos e os animais são diferentes em muitos aspectos, apontou a “Cruelty Free International”. Além disso, o teste em animais é muito mais cruel do que simplesmente colocar rímel em cobaias - como apontou o comunicado de imprensa da HSI, os animais são frequentemente submetidos a produtos químicos derramados em seus olhos ou forçados a alimentá-los. Este projeto é um grande passo para a indústria de cosméticos da Austrália. Espera-se que inspirará muitas empresas de beleza não só na Austrália, a repensar suas práticas e lançar novos produtos livres de crueldade animal no futuro próximo.

Fonte - https://www.greenmatters.com/p/australia-prohibits-animal-testing-cosmetics

Notícias em destaque
Notícias recentes
Arquivo
Siga-nos
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

© 2018 by Ideologia Coletiva. Todos os direitos reservados.