Após pressão popular, Califórnia proíbe animais selvagens em circos

A Califórnia finalmente aprovou a “Lei de Prevenção à Crueldade do Circo”, proibindo efetivamente qualquer pessoa no estado de usar animais selvagens como atrações em circos. A PETA (People for the Ethical Treatment of Animals) compartilhou a notícia na semana passada, enaltecendo os legisladores da Califórnia que aprovaram a lei. O senador da Califórnia, Ben Hueso, foi o autor da Lei de Prevenção à Crueldade do Circo, conhecida oficialmente como SB 313. Os senadores estaduais aprovaram o projeto na votação de 35 a 0 na quarta-feira (11/09) sem debate.

foto - latimes.com

O projeto foi co-patrocinado pela PETA e pela Compaixão Social em Legislação (SCIL), com apoio adicional da Animal Defenders International (ADI) . O senador Hueso apresentou o projeto pela primeira vez em fevereiro, quando o Senado do Estado da Califórnia votou por unanimidade a seu favor. Nesta semana, o projeto foi aprovado na Assembléia da Califórnia 56-13. "Ursos, tigres, elefantes e outros animais selvagens explorados não andam de bicicleta, saltam por aros ou equilibram pedestais porque querem", disse Hueso em comunicado. "Eles realizam esses e outros truques difíceis porque têm medo do que acontecerá se não o fizerem." A Califórnia se tornou o terceiro estado a proibir animais selvagens em circos, depois do Havaí e Nova Jersey, que aprovaram suas próprias leis ainda este ano.

Reprodução - https://www.latimes.com/california/story/2019-09-11/california-exotic-animals-circus-ban-bill

Notícias em destaque
Notícias recentes
Arquivo
Siga-nos
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

© 2018 by Ideologia Coletiva. Todos os direitos reservados.