No Reino Unido, raras espécies de flores silvestres e populações de abelhas ameaçadas estão se recup

Em Newcastle, no Reino Unido, raras espécies de flores silvestres e populações de abelhas ameaçadas estão se recuperando durante a quarentena do coronavírus, porque muitas cidades estão deixando as vegetações das margens das estradas sem cortes, segundo a maior instituição de caridade da Europa para plantas silvestres. A pausa nas podas provavelmente levará a uma explosão de cores no campo neste verão e trará benefícios a outros polinizadores, incluindo borboletas, pássaros e morcegos, disseram os botânicos da Plantlife.

foto - fafard.com

As margens da estrada são um dos últimos refúgios para as muitas espécies de plantas que foram devastadas pela conversão de plantações naturais em terras agrícolas e conjuntos habitacionais. Essas margens abrigam 700 espécies de flores silvestres, quase 45% da flora total do Reino Unido. A Plantlife diz que este pode ser o melhor verão para essas plantas durante anos, porque vários estados estão redistribuindo recursos para outras atividades como resultado da pandemia. Kate Petty, gerente da campanha de beira de estrada do grupo, disse que as circunstâncias extraordinárias da pandemia a curto prazo podem ajudar a mudar opiniões e políticas com benefícios a longo prazo para espécies ameaçadas. “ Simplesmente podando menos as margens, o país economizará plantas, dinheiro e reduzirá as emissões. Precisamos nos repensar com essa quarentena e aceitar a maravilhosa 'bagunça' da natureza ”, disse ela.

Apoio - @mbeemel Fonte - https://www.theguardian.com/environment/2020/apr/09/coronavirus-may-prove-boost-for-uks-bees-and-rare-wildflowers

Notícias em destaque
Notícias recentes
Arquivo
Siga-nos
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

© 2018 by Ideologia Coletiva. Todos os direitos reservados.