Arábia Saudita vai plantar 50 bilhões de árvores

A Arábia Saudita ganhará 10 bilhões de árvores nas próximas décadas. A iniciativa se soma a uma campanha ambiciosa que pretende plantar 40 bilhões de árvores em parceria com outros países do Oriente Médio. É o maior projeto de reflorestamento que se tem notícia.


Segundo maior produtor de petróleo do mundo – ficando atrás apenas dos Estados Unidos – a Arábia Saudita está longe de ser conhecida por estabelecer medidas ambientais em prol do planeta. Entretanto, com o novo plano, o país visa reduzir as emissões de carbono em 60%, além de combater a poluição e a degradação do solo.


O plantio de 10 bilhões de árvores será equivalente a restaurar cerca de 40 milhões de hectares de terras degradadas. O país também tem a meta de aumentar o percentual de áreas protegidas para mais de 30% de sua extensão total.


O príncipe Mohammad bin Salman, que anunciou o projeto, não informou como plantará e manterá tantas árvores em uma região com paisagem tão desértica e recursos hídricos limitados. Porém, segundo a agência britânica Reuters, o país afirmou, no passado, que “usaria a semeadura de nuvens e água reciclada para plantar árvores locais que exigem menos irrigação, inclusive em áreas urbanas”.


A chamada “Iniciativa Verde Saudita” também inclui gerar 50% da energia do país a partir de fontes renováveis até 2030. É um passo grande a ser alcançado em menos de 10 anos, uma vez que o petróleo e gás natural são as principais fontes de abastecimento energético da Arábia Saudita. Entre as demandas está a dependência em usinas de dessalinização de água do mar, cujo processo requer alto consumo de energia.

Reprodução - https://ciclovivo.com.br/planeta/crise-climatica/oriente-medio-50-bilhoes-de-arvores/

Notícias em destaque
Notícias recentes
Arquivo
Siga-nos
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle