Cientistas sérvios criam outdoor que absorve CO2 e libera oxigênio através da fotossíntese

Criado por cientistas sérvios da Universidade de Belgrado, o LIQUID3 é um fotobiorreator urbano que simula um outdoor e utiliza microalgas para realizar a fotossíntese e remover a mesma quantidade de CO2 do ar que duas árvores de dez anos de idade.


Atualmente, os designers encontram um desafio único na criação de infraestrutura sustentável em áreas urbanas, onde os espaços verdes são poucos e distantes.


Tomando uma abordagem atípica para o projeto de mudança climática, pesquisadores da Universidade de Belgrado desenvolveram o LIQUID3, um fotobiorreator urbano que é usado para fixação de CO2 e produção de O2.


Localizado na capital da Sérvia, o fotobiorreator é essencialmente um outdoor que utiliza uma fonte de luz, como a luz solar natural, para cultivar microrganismos fototróficos que produzem biomassa através da fotossíntese, as microalgas.


Cada recipiente LIQUID3 comporta um total de 600 litros de água, permitindo que o fotobiorreator remova quantidades análogas de dióxido de carbono como duas árvores de 10 anos ou 200 metros quadrados de área verde.


Operável mesmo durante os meses frios dos invernos de Belgrado, o LIQUID3 requer apenas uma fonte de luz para que as microalgas naturalmente fotossintetizantes executem o mesmo papel de captura de carbono que as árvores.



Fonte - https://www.yankodesign.com/2022/02/22/serbian-scientists-install-an-urban-photo-bioreactor-to-capture-co2-and-produce-o2-just-like-trees/

Notícias em destaque
Notícias recentes
Arquivo
Siga-nos
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle